• Guilherme Cardoso

A Amazônia perdida


Olha, eu, você, que somos brasileiros, vivemos nesta terra há muitos anos, ficamos aterroizados ao ver essa quantidade de incêndionas matas de nossas cidades, e especialmente na floresta amazônica.

É triste e doloroso ver isso acontecer diariamente, o ano todo, sem qualquer fiscalização mais eficaz. Na verdade, o que vemos são os bombeiros ou os voluntário do fogo tentando com pouco sucesso apagar enormes chamas. Infelizmente, no caso de indêndios, normalmente o socorro chega sempre depois que tudo começou ou já acabou e só ficam as cinzas.

Se a gente fica estarrecido e chocado com tantos incêndios em nossas matas, imagine o cidadão morador de países europeus, nos Estados Unidos e Ásia. O que nós vemos pela televisão aqui, eles também assistem tudo lá fora em seus países e com certeza ficam ainda mais alarmados e indignados com tanta destruição.

Por causa disso, vira e mexe surge um movimento no exterior para tomar conta da Amazônia, tirar do Brasil a competência de controlar tudo.

Fala-se muito aqui que a extensão da floresta amazônica é muito extensa, quase impossível de ser fiscalizada para impedir o desmatamento, as queimadas e as invasões de terras. E ainda por cima a matança e extinção das tribos indígenas.

Com as tecnologias hoje existentes, se o Brasil queisesse, poderia muito bem criar um Sistema bem estruturado, com satélites , aviões e grandes barcos paracombater esses crimes e proteger a Floresta Amazônica.Pelo jeito, dinheiro não é problema,já que muitos países ricos oferecem milhões de dólares ao Brasil para a conservação da floresta, mas o país não os aplica bem.

Nossa economia que funciona a todo vapor atualmente é a do agronegócio, e as autoridades estrangeiras sabem que muita dessa produção sai das grandes áreas desmatadas e invadidas por grandes fazendeiros.

Se o Brasil não tratar de impedir com rigor esses desmatamentos, essas queimadas e essas invasões de terras, não demora muito acontecer um grande bloqueio comercial contra o país, com os países compradores não aceitando mais produtos vindos dessas áreas.

Se o governo quiser, e é só fazer uma forcinha e interesse político que se consegue dar um fim a esses crimes ambientais que hocam a todos nós e destorem o meio ambiente, trazendo graves consequência para o Brasil e o mundo.

0 visualização